terça-feira, julho 15, 2008

De Boliqueime a Belém! 69 anos depois


Hoje faz anos Sua Excelência o Senhor Presidente da República.

Um homem que tem um trajecto ímpar na vida política portuguesa.

Nasceu em Boliqueime, algarvio, trabalhador, metódico, venceu nos corredores de Lisboa. Foi Ministro das Finanças de Francisco Sá Carneiro e Primeiro-Ministro durante 10 anos, com duas maiorias absolutas. Hoje existe uma corrente "cavaquista", onde engloba pessoas de topo do meio empresarial e político.
.
Chegou ao cargo de Presidente da República após uma tentativa falhada contra Sampaio esperou 10 anos pela sua vez. Geriu silêncios e aparições com uma mestria incrível.
.
É assim Aníbal Cavaco Silva, um político não profissional.

Happy Birthday, Dear President!

14 comentários:

Bruno disse...

O dia de aniversário é dia de ser presenteado. Não adivinho qual o presente que o nosso Presidente mais deseja… Afinal, ele já é Presidente de todos nós! Sempre ouvi dizer que era esse o sonho da sua carreira política.

Assim, e visto que nenhum dos psicóticos e psico-amigos é – que se saiba – amigo pessoal de Cavaco Silva, fica um desafio: que prenda dariam a Sua Excelência o Presidente da República Portuguesa, por ocasião do seu 69º aniversário?

Nélson Faria disse...

Parabéns Senhor Presidente.

O meu presente: coragem política para aparecer mais vezes.

Não aprecio muito o jogo das sombras.

Paulo Colaço disse...

Costumo dizer que sou mais cavaquista que Cavaco.

Zanguei-me com ele algumas vezes (poucas) mas entendo todas as suas decisões como parte das opções que teve de tomar. Pelo país, pelo partido ou por ele próprio.

A vez que mais me decepcionei foi na campanha para as legislativas de Santana.

Estava eu a dar todo o meu esforço para a vitória do PSD (do PSD, repito) e Cavaco, entendendo que lhe seria mais dificil ser eleito presidente se o PM fosse do PSD, vai de puxar o tapete ao nosso candidato/partido.

Compreendi essa atitude no quadro dos seus gostos pessoais (ele nao gosta de Santana) e na sua estratégia.

Mas, enfim, supera-se.

Parabéns, senhor Presidente. Que se mantenha mais (longos) anos na mais alta magistratura da nação.

A minha prenda para si: nas próximas, que o candidato do PS seja Mário Soares, de novo.

jfd disse...

Cavaco Silva sabe muito mais que todos nós.
Quem pensa que sabe o que o Presidente (não) anda a fazer, está deliciosamente enganado!

E por essa mestria, engenho e arte, um grande bem haja e muitos parabéns!

Como presente, só desejo muita Saúde!

Viva Cavaco!

José Pedro Salgado disse...

1º que tudo: político não profissional, o caraças.

Cavaco Silva foi político boa parte da sua vida e sempre foi um excelente político.

Pode-se alegar que será mesmo tão bom político que consegue convencer toda a gente que não o é, mesmo depois do elenco de cargos que o Diogo aqui postou.

Diria mesmo mais: o facto de não ter feito carreira de estrutura nada interessa - isto ou se nasce ou não há nada a fazer.

Luís Nogueira disse...

Parabéns Senhor Presidente da República. Que conte com muitos e bons anos de saúde e felicidade.
.
Como prenda... Já que faz anos poderiamos inverter os papeis e o Dear President poderia dar-me uma prenda. Não quero um bolo rei, ou um doce de Boliqueime.Ainda que seja um tipo guloso...

Ora, já sei qual é! Por favor, meta no "mini caixotinho" a dita "cooperação estratégica" e exija ao senhor "Engº" que tenha rigor orçamental nas contas do Estado, para o bem das nossas finanças.

Muito obrigado. Um abraço do cidadão amigo e companheiro de partido. ;)

Daniel Geraldes disse...

Simpatizo com o Cavaco, nutro por ele até uma certa admiração, mas acho que nesta altura não é Presidente certo para Portugal, apesar de para as próximas votar nele.

Eu dava-lhe o que ele tanto queria e nunca teve, os meus feriados a trabalhar.

Manuel Monterroso disse...

Bem, muitos parabéns ao nosso PR. Já li muitos elogios, mas como sou escorpião e gosto de picar vou tecer uma opinião pessoal:
embora o currículo do nosso PR fale por si, não consigo ficar indiferente nem deixar de questionar como é que um Algarvio conseguiu ser tão centralista e como é que um primeiro-ministro (algarvio) não fez em 10 anos uma única auto-estrada para o algarve? :P

Diogo Agostinho disse...

Caro Manuel,

Em cheio! Foi uma das grandes falhas do Senhor Professor. Uma simples auto-estrada para a mais bela região do País. Porém, os ambientalitstas não ajudaram muito.

Mas ainda assim fez a via do Infante, que estagnou com Guterres em 6 anos apenas conheceu 6km. Uma média incrivel do Eng. Guterres.

Pedro disse...

Será que alguém lhe vai dar os Lusíadas? Um canto, dois cantos...

Elsa Picão disse...

Parabéns Sr. Presidente.

Aníbal Cavaco Silva é um homem muito inteligente e determinado. E no que uns vêm tecnocracia outros reconhecem-lhe capacidade de trabalho e método.
Talvez estejam aqui boa parte das ferramentas de que se socorreu ao longo do seu percurso político.

Como presente pessoal desejo-lhe umas boas férias.

Como presente a todos os portugueses: Que regressado de férias seja, novamente, Professor por um dia e envie ao governo umas lições de economia e finanças públicas.

Anónimo disse...

Um politico profissional mas nao um profissional da politica!

Mega disse...

Obviamente que Cavaco é político, mas talvez seja um político diferente daquilo a que estamos habituados: mais virado para a técnica, para o mérito, para o saber fazer...

Não deveriamos reservar os cargos do Executivo para este tipo de políticos e os da Assembleia para os "políticos profissionais" e respectivas máquinas partidárias?

Bruno disse...

Eu oferecia a Cavaco um diploma de político profissional ;)

Sempre assumi essa característica que lhe atribuem, de não ser político, como um elogio. Penso que o que as pessoas querem dizer é que ele não é um político igual aos outros que se conheciam no tempo em que ele apareceu como Primeiro Ministro.

Gosto do Cavaco Presidente! Não é perfeito e uma das falhas que lhe aponto é a mesma que o Né: acho que na altura de crise em que estamos competia ao PR ser mais incisivo em algumas situações. Mas não é esse o seu estilo e por isso respeito. Não deixo é de manifestar discórdia.

Mas, conte comigo Senhor Presidente. Que este e o próximo mandato tnham a garantia de toda o seu conhecimento e capacidade ao serviço da Nação!