segunda-feira, junho 16, 2008

Justiça!

57 comentários:

Paulo Colaço disse...

Não sei a decisão é justa em razão dos factos que a primeira instância julgou graves.
O que sei é que fazer cumprir regras processuais também é justiça e se o FCP se agarra a erros procedimentais e foi-lhe reconhecida razão, então não ha que reclamar.

Quem quer fazer justiça não pode dormir na formatura.

Margarida Balseiro Lopes disse...

Pois é, o campeão nacional vai mesmo participar na próxima edição da Liga dos Campeões.

A UEFA só se pronunciará, depois da Federação Portuguesa de Futebol.

O Benfica vai emitir um comunicado, ainda durante o dia de hoje.

Viriato disse...

Injustiça seria colocar de fora da Liga dos Campeões o clube que mais alegrias tem dado a Portugal nos ultimos anos.

Injustiça seria colocar de fora da Liga dos Campeões o clube que nos ultimos anos mais tem pontuado nas competições europeias.

Injustiça seria colocar de fora da Liga dos Campeões o clube que ajuda os outros clubes Portugueses a participarem em competições europeias.

Mas há quem não concorde com estas "injustiças". Fazem-me lembrar aquelas familias onde é diagnosticado ao Patriarca uma doença grave e mesmo assim ainda há membros da familia que teimam em perguntar quando é que ele morre para deixar a herança.

Anónimo disse...

Pensava que Justiça era penalizar os batoteiros ;)

Cassiano disse...

Tendo em conta que o Conselho de Justiça da FPF não se vai pronunciar antes do inicio da Liga dos Campeões este ano serão admitidos, mas no próximo vamos ver... o Pinto da Costa conseguiu o que queria, através das marionetas da FPF, Madaíl, João Leal, etc, e cumpriu o prometido quanto à presença na Champions. Não falou foi dos anos seguintes...

Caro Viriato, não querendo discutir a noção de justiça por ser um conceito demasiado pessoal, peço-lhe que consulte o ranking de pontos nas competições europeias dos últimos 5 anos (aqueles que contam para o ranking e entradas na Europa), verá que vai ter uma surpresa desagradável na sua óptica.

Nélson Faria disse...

Eu já anteriormente tinha dito que não percebo muito desta matéria... o que não quer dizer que não tenha opinião lol

Não quero mal nenhum ao Porto e vibro muito com o FCP sempre que o vejo jogar na Champions ou na UEFA (há mais tempo, mas também me dá alegrias).

Mas não será por isso que eu entenda que o FCP não deve ser excluído. Se realmente se entendeu que houve conduta irregular da parte de dirigentes do FCP, tem que haver sanção.

Por mim não metam o Benfica na mesma na Champions, ficamos na UEFA que foi para isso que nos qualificámos. Mas honremos a prática desportiva: não sejamos coniventes com as más práticas:

P.S. É a situação "autarca putativamente corrupto" over and over again: este rouba mas faz obra.

jfd disse...

Este post é uma palhaçada assim como o seu título e o seu primeiro comentário.

Fico triste quando vejo que outros valores vos toldam a visão.

Paulo e Guida não levem a mal o desabafo.

Paulo Colaço disse...

Jorge, desculpo a tua má interpretação do meu comentário porque estás em stress de exames.

Repito o que disse: "quem quer fazer justiça não pode dormir na formatura".

Há justiças e justiçcas.
Há a dos resultados e a dos tribunais.
Há também injustiças e injustiças.
Há a injustiça de ver ganhar com batota e a injustiça de, tendo razao processual, esta não ser reconhecida.

Até numa coisa tão "irracional" como a clubite, tento ser legalista.
Sou Benfiquista mas comigo a lei não acaba onde a clubite começa.

Última nota: que tudo se julgue de novo. Gostaria que fosse um processo limpo e que resultasse em penas de prisão (se for o caso).

Tiago Mendonça disse...

Ligar a palavra Justiça, ao Futebol Clube do Porto deixa-me chocado. Este processo veio apenas provar o que todos já sabíamos. O Porto fez, ou em limite, tentou fazer, batota. Se assim é tem que ser penalizado. Mais, o Porto não recorreu da aplicação da sanção, e sendo assim, por muitas artimanhas que se façam, o não recurso implica a aceitação da sanção.

Sendo assim, temos um clube punido e que aceita a punição, mas que nas instâncias internacionais não é penalizado.

O que se fez foi isso sim uma injustiça.

Concordo com o Nélson, não sou contra o Benfica ir apenas à Uefa, já que foi para isso que se qualificou. Não acho que deva ir para a Champions. Mas que se honre a prática desportiva.

Cassiano disse...

Atenção, não foi dada razão ao Porto. A decisão foi apenas adiada e o Porto não foi ilibado de nada.

Baia disse...

Parabéns pelo post amigo!
Só demonstra a tua abertura e disponibilidade para aprender e debater diversos temas, o qeu não me surpreende dada a tua vasta cultura e interesse geral de tudo o que se pasa em teu redor.
No entanto, como deves compreender eu não vou fazer comentários a esta "roupa" azul além de que são tão poucos que nem merecem que se falem deles (já me basta a fatalidade de ter uma irmã dessaq raça:).
Concordo com a medida e como benfiquista envergonho-me da postura do clube perante esta situação.
O Porto ganhou este ano com inteira justiça e tem contribuido para que tenhamos as 3 equipas nas champions.
Já agora Cassiano, quem tem contribuida com mais pontos para o ranking da uefa?

Paulo Colaço disse...

ehehe, grande Baia, eu agradeço os elogios mas reencaminho-os à dona Balseiro Lopes: ela é que fez o post.

Feito por mim, não teria esse título ;)

Cassiano disse...

Baía é precisamente nosso Benfica que nos últimos 5 anos (aqueles que contam para o ranking) contribuiu com pontos. Mas isso é um pequeno apontamento que nada interessa para a discussão em causa.

Cassiano disse...

Por acaso tenho que dar a mão à palmatória. Fui agora confirmar o que estava a dizer e nesta época voltou a mudar o ranking. O Benfica de 2002 a 2007 tinha mais pontos, mas com esta época voltou a ser o Porto... as minhas desculpas neste caso.

Paulo Colaço disse...

Já agora, Diogo, explicas como é feita a contabilização desses pontos?

Cassiano disse...

Ora bem, os pontos são contabilizados de todos os jogos da competições europeias. Cada vitória dá 2 pontos e empate dá 1, depois há ainda pontos bónus por se ir à fase de grupos, oitavos, quartos, meias e final da Champions. A partir daí são somados os pontos de todas as equipas do mesmo país e divididos pelo número de equipas para se determinar o coeficiente de cada país, assim se determina quantos clubes por país vão às competições europeias.

Quanto aos rankings dos clubes, às suas pontuações individuais são somadas 33% do valor do coeficiente do país, determinando assim o ranking com o somatório das 5 últimas épocas... espero que não tenha ficado demasiado confuso :)

http://www.zerozero.pt/ranking_uefa.php
Este é o link do ranking actual dos clubes.
Aqui

jfd disse...

Colaço tu conheces-me e eu conheço-te e é-me estranho que justifiques esta aldrabice com questões processuais... Parece-me rebuscado demais!

O assunto enjoa cheira mal mete nojo. Eu sou um português honesto trabalhador cumpridor. Cada vez que vejo isto a ocupar o meu tempo de antena (na TV, para ver noticias de jeito!), a chular os meus impostos e a consumir os recursos do país fico doente.

Como é que consegues dizer que é justiça fazer cumprir regrar processuais quando isso é uma pequena parte de um todo completamente PODRE?

Agora expliquei-me melhor.

A Guida pronto, sobre de clubite.
O melhor a fazer é dar-lhe uma aspirina, uma canja e desejar que lhe passe rápido ;)

Bruno disse...

Acho que já percebi:

- A Guida, ao escrever o tíulo do post esqueceu-se de colocar no início a expressão "(In)";

- O Colaço é um brinacalhão! A malta já o conhece e só mesmo o Jorge, que anda stressado, é que não percebeu que ele tá a brincar;

- O Viriato tem uma noção diferente de Justiça porque no tempo dele fazia-se pelas próprias mãos...

Compreendo tudo isto! E também compreendo perdeitamente a decisão da UEFA. Ou não estivéssemos nós a falar de um organismo que diz o seguinte: "Esta decisão deve-se essencialmente ao facto dos procedimentos legais em Portugal ainda não terem terminado". Ora, estava à espera do quê??? Num país onde a Justiça deve ser a mais lenta da Europa...

Como é normal no Psico, podemos dar as voltas que quisermos e partir para milhentas outras questões à volta deste post. Mas não tenhamos ilusões! O que aconteceu foi muito simples: a justiça desportiva portuguesa decidiu que não decidia a tempo e a UEFA não pode actuar!

A partir daqui posso eu repetir o que já disse: para mim, Pinto da Costa e a sua máfia continuam a fazer o que melhor sabem! Jogaram as influências que têm, pressionaram quem tinham a pressionar e deixaram tudo em águas de bacalhau.

Karocha disse...

Aviso já que sou Benfiquista,mas tudo e quando digo tudo o que ponha o LFV mal disposto é bem vindo loolll

Bruno disse...

Cassiano, não sei se devemos ter assim tanta calma em relação à justiça poder vir a ser reposta em 2009/10. Segundo o Record:

A jurisprudência ao nível do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) não suporta a opção da CCD, pelo que o Júri de Apelo avisa a primeira instância para, no caso de voltar a ser confrontada com os estilhaços jurídicos do Apito Final, fundamentar muito bem a sua opção pela via administrativa ou disciplinar. Um puxão de orelhas invulgar na UEFA.

Paulo Colaço disse...

Jorge, achar que as questões processuais são irrelevantes é o que tem causado as maiores injustiças.

Posso falar-te de Guantanamo, caso estejas esquecido.

Em Estados de Direito, como o nosso, consideramos que a Justiça não deve apenas provar que os "maus" prevaricaram, deve também usar os meios adequados e o processo mais acertado.

Penso exactamente como tu acerca das personagens em causa mas se pensar como tu quanto à "irrelevância" processual estou a permitir que um dia eu ou tu sejamos condenados injustamente porque alguém considera que não temos o direito de contestar a forma.

Paulo Colaço disse...

Outra nota: como a Justiça normalmente é diligente e age pelo princípio da absolvição em caso de dúvida, quem mais se aproveita das falhas da Justiça são aos "maus" (acho eu).

No entanto, estas garantias (como o habeas corpus) servem para defender o cidadão comum. Sem elas isto seria a selva.

Karocha disse...

Isto é a selva há muitos anos que deixei de acreditar na justiça Portuguesa !...

Diogo Agostinho disse...

De todo este processo´não percebi a posição do Vit. Guimarães e do Benfica.

Acho que vencer na secretaria é sempre pouco digno, apesar de vencer com favorecimentos também. Lá está esta situação demonstra bem a atitude dos clubes envolvidos.

Paulo Colaço disse...

"Lá está esta situação demonstra bem a atitude dos clubes envolvidos."

Diogo, eu refrasearia para:
"Lá está esta situação demonstra bem a atitude dos dirigentes dos clubes envolvidos."

Diogo Agostinho disse...

Aceito com reticências, visto que os clubes envolvidos elegem os seus dirigentes com votações superiores a 70%.

Mas aceito a pequena correcção.

Nélson Faria disse...

Eu percebo que não se goste de LFV. Percebo que não se goste do SLB. Percebo bastante que não gostem de ver o SLB a agitar as águas nesta matéria. Eu também preferiria que tal não acontecesse.

Mas sejamos fiéis à verdade: o FCP é que é o vilão, não aqueles que pedem que os regulamentos sejam cumpridos.

É óbvio que ficam mal na fotografia porque pedem em direito próprio mas, lá está, se não fossem eles a pedir quem pediria?

Ou vivemos à vontade com a impunidade?

Nélson Faria disse...

Isto sem esquecer que a UEFA levanta a questão porque o FCP não contesta a pena portuguesa: a tal redução de 6 pontos.

Mau aconselhamento jurídico, e lembro-me bem do Rui Moreira (a voz do FCP que mais gosto de ouvir a falar de futebol) a avisar que era um erro e que tinham de ter cuidado.

Diogo Agostinho disse...

Obviamente que não desculpa, porém eu não gostei da atitude do Benfica e do Vit. Guimarães! Não se trata de um problema com o Benfica atenção. Só não percebo esta atitude!

E também acho que compete sim à FPF e à Liga. Os outros clubes podem apresentar queixa óbvio, mas passar o tempo nos jornais a chorarem as migalhas não me parece muito correcto.

Cassiano disse...

Eu apesar de não concordar muitas vezes com a forma, o que eu mais percebo é a atitude do Guimarães e do Benfica, afinal são partes duplamente interessadas no desenrolar do processo.

O que eu não percebo é a atitude dos outros clubes participantes na Liga portuguesa, que são lesados por haver equipas a fazer batota para ganhar. Mas isso tem explicação... afinal se formos analisar, o Porto empresta jogadores a quase todos os clubes do campeonato, será que é normal? É que eu não conheço nenhuma situação similar...

Margarida Balseiro Lopes disse...

O que eu me diverti ao ler esta caixa de comentários:

O título foi exagerado propositadamente, para vos "espicaçar". Nunca pensei que mordessem o isco...

Naturalmente que o conceito de justiça é subjectivo, mas achar as questões processuais irrelevantes é gritante. Não falemos mais de questões tão graves como Guantanamo. Ouviste, Tiago??

O problema em causa não era a condenação do Porto, mas sim a retroactividade da recente lei que o exclui da competição.

Por isto tudo, reitero que houve justiça na decisão.

Margarida Balseiro Lopes disse...

Naturalmente que o conceito de justiça é subjectivo, mas achar as questões processuais irrelevantes é gritante. Não falemos mais de questões tão graves como Guantanamo. Ouviste, Tiago??


Referia-me ao nosso Tiago Dias...

Karocha disse...

:-)))
Quanto a Guantanamo plenamente de acordo consigo Margarida!...

Tiago Mendonça disse...

Onde é que isto chegou...:)

Estudo as directivas comunitárias, essas não tem aplicabilidade directa, mas podem ter efeito directo.

O acto de transposição está mais que feito. Portanto a aplicação é evidente.

Entristece e merecia sanção. Aliás, sem dúvida alguma vai merecer.

Pequenino, Pequenino.

jfd disse...

Jorge, achar que as questões processuais são irrelevantes é o que tem causado as maiores injustiças.

hummm eu não disse isso, ou expressei-me mal...

O regojizo por o Porto ter-se safado dessa forma é que me mete nojo, quando sabem muito bem que aquilo fede a bom feder.

E Margarida, esse teu comentário não me convençe! ;)) Não era para nos picar! Foste traida pela tua doença azul ;))))

Paulo Colaço disse...

Pois fede!
A mim também me perturba mas ou bem que temos uma lei garantística ou diferiremos das ditaduras.

jfd disse...

LOLOL
E continua o branquamento da validação do FCP e dos métodos! ;)))

Paulo Colaço disse...

Sim, infelizmente.

António Pessoa disse...

É uma vergonha para o futebol português esta decisão. Mostramos mais uma vez que compensa trapacear, fazer batota, corromper árbitros. Estou enojado.

Karocha disse...

Não se enoje António Pessoa que não vale a pena,olhe dou-lhe um alvitre, faça uma investigaçãozinha ao LFV e ao que a justiça não faz!...
Depois pegue nuns amigos e vá beber umas cervejitas porque senão fica com dores de estômago e não vale a pena! Neste Pais a justiça não funciona!...:-(

Margarida Balseiro Lopes disse...

E Margarida, esse teu comentário não me convençe! ;)) Não era para nos picar! Foste traida pela tua doença azul ;))))

Qual azul, qual quê? Foi mesmo pela psicose... ;)

jfd disse...

LOLOLOL ;)
Ó Baia não tem mesmo cura pois não?

Margarida Balseiro Lopes disse...

;)

Bruno disse...

Karocha disse...
Não se enoje António Pessoa que não vale a pena,olhe dou-lhe um alvitre, faça uma investigaçãozinha ao LFV e ao que a justiça não faz!...

Oh Karocha, já agora não quer adiantar alguma coisinha??? É que eu já começo a ficar farto de ouvir tanta conversa fiada de pessoas que até me merecem consideração. Como é o seu caso, apesar de o nosso contacto ser recente e superficial ;)

Mas, sinceramente, acho que atirar "postas de pescada" para o ar sobre coisas graves como a integridade de alguém sem, no mínimo, justificar o porquê de termos essa opinião é pouco correcto e não mostra coerência.

Então se deixámos de acreditar na justiça ainda vamos fazer pior? Vamos começar a ter atitudes no sentido de por toda a gente em causa só porque sim?

É que eu já ouvi muita coisa sobre LFV. Boa e má! De pessoas próximas e menos próximas. De antigos colaboradores, do mundo desportivo e do empresarial, de familiares de vizinhos, de supostos bem-informados... Cada um diz o que quer. E quando me dizem a mim, normlamente tento perceber a credibilidade da história. É só por isso que lhe pergunto, cara Karocha.

Karocha disse...

Olá bruno
Acha mesmo que eu arroto postas de pescada?
Quanto ao LFV o que sei não digo,aqui.
Aqui falamos de outras coisas e não de mafiosos!...



O resto trata o meu advogado!...

Bruno disse...

Ah! Já percebi! A Karocha deve ter perguntado, no post sobre o Pacheco, se eu fiquei chateado por causa da conversa daqui ;)

Então aqui vai a resposta: claro que não! Dificilmente ficaria, pelo menos avaliando pelo estilo de discussão que me vai parecendo ser o seu. Bem pelo contrário!

Mas deixe-me dizer uma coisa: eu não disse arrotar postas de pescada e sim atirar postas de pescada. É diferente porque uma senhora a arrotar é uma imagem que não quero - de todo - associar à Karocha. Longe de mim, essa ideia!

Mas, se reparar, o meu comentário foi mais um desabafo do que um ataque. Foi uma crítica, sim. É verdade. Mas pelo facto de que me queixo: oiço dizer muita coisa mas sinceramente nunca vi ninguém concretizar...

Em relação a Pinto da Costa, por exemplo, ouvi muitas coisas durante anos mas muitas vezes ouvi histórias completas, com princípio meio e fim e algumas delas encadeadas e com justificações que eram - no mínimo - lógicas. Ou seja, como tinham essa lógica eram - na minha opinião - possíveis!

Sobre Luís Filipe Vieira, como disse, ouço muita coisa mas é sempre muito vago, o que me faz acreditar que são, como eu disse, "conversa fiada"! Não quero minimizar a sua credibilidade nem a de outras pessoas que me falam de LFV mas também me devo permitir desconfiar, certo?

Espero que não esteja a Karocha chateada ;)

Karocha disse...

Principio- 1988 LFV abre uma conta com todos os meus dados correctos,como administradora de uma empresa de pneus dele com a morada para um apartado.
Meio-durante anos passaram por essa conta,com a minha assinatura e sem o meu conhecimento, milhares de contos,
Fim-só parou quando descobri.
Giro não acha?

Bruno disse...

Mais do que giro. É hilariante! (Leia-se: mais do que grave. É vergonhoso!).

Cada vez compreendo melhor a frase: quanto mais conheço as pessoas mais gosto dos animais...

jfd disse...

O Bruno agora engoliu em seco e sorriu amarelo ;)

Bruno disse...

Nem amarelo, nem verde, nem cor de burro quando foge... simplesmente não sorri, Jorge. LFV é presidente do meu clube e até ver é o melhorzinho que conseguimos arranjar.

E eu nem tenho desgostado do seu trabalho apesar de alguns erros mas isso todos cometem. O meu problema é que não tenho o estômago que os portistas têm para aturar Pinto da Costa...

Mas, como disse a Karocha, o advogado dela estará a tratar do assunto e por isso aguardemos serenamente! Eu exclamarei "Justiça!" quando achar que ela for feita e não apenas quando meu clube for favorecido ;)

Margarida Balseiro Lopes disse...

Não me parece que tenhamos de "aturar" o Pinto da Costa. Ou se tivermos, não vejo os portistas minimamente incomodados com o facto...;)

jfd disse...

Como sofre um coração encarnado!!!

Tão querida a petiz ;)

Bruno disse...

Hehe! A Guida mordeu o isco ;)
Vocês não estão incomodados exactamente porque têm um estômago diferente do meu :P Mas deixa, assim estás preparada para tudo! Até para um dia, por exemplo, em que Santana volta a ser líder do PSD, hehe!

Jorge, canta comigo: MEU CORAÇÃO É VERMELHO, HEI HEI HEI...

Nélson Faria disse...

O presidente da UEFA, Michel Platini, não concorda com a participação do FC Porto na próxima edição da Liga dos Campeões.

"Como presidente da UEFA não estou nada contente com a sua inclusão na Liga dos Campeões. Digo isto sem qualquer problema", declarou ao "El Mundo Deportivo".

Platini reforça que não se pode falsear as regras do jogo. "No meu mandato a UEFA vai lutar até à morte contra a corrupção. Se uma equipa foi sancionada pela sua federação, pela UEFA, por corrupção, não pode disputar uma competição europeia", justificou.

A 6 de Junho, dois dias depois de ter sido foi anunciada a exclusão do FC Porto da "Champions" por uma época, Platini defendeu a necessidade de "excluir os batoteiros".

"É uma mensagem muito forte contra a batota. Se tivermos casos em que os visados são reconhecidos como batoteiros pelas suas federações, é igual serem ricos ou pobres, do norte ou do sul", disse.


http://www.record.pt/noticia.asp?id=793071&idCanal=17

Bruno disse...

Platini acaba por concordar com as opiniões menos "inquinadas": não há justiça nesta história apesar de se poder dizer que a Justiça (essa coisa...) funcionou de acordo com as normas estabelecidas...

Karocha disse...

Não Bruno o LFV não presta!
Nelson
Arranjem outro post sobre justiça é tão chato ir ao arquivo ;-)
Para todos toda a gente sabe que UEFA,FIFA,FIA,são do piorio !;-)))

Bruno disse...

Oh Karocha, eu até percebo a sua malapata com LFV mas este post não era sobre ele e também não era sobre ele que eu estava a falar agora... Se quiser poderá sempre dar a sua opinião sobre Pinto da Costa ;)

É que sobre o Vieira ainda se arrisca a que eu lhe diga que não me importo se ele for como o político brasileiro que "rouba mas faz". Importar eu até importo mas posso sempre dizer isso sópara chatear os portistas :P