quarta-feira, junho 04, 2008

Champions? Só na Playstation.

Uma adaptação livre ao cântico dos Super Dragões:
"Não vão à Champions, é só choradeira, chora o Baía, chora o Pintinho e o Jesualdo Ferreira"

29 comentários:

Inês Rocheta Cassiano disse...

Será que finalmente foi feita justiça?

Nélson Faria disse...

Não sei.

Ainda estou surpreendido com a decisão. Não é a minha área, mas será complicado a Uefa justificar esta decisão.

Que é verdadeira punição do FCP: é, e está à altura de quem pretende adulterar a verdade desportiva.

Isto para o Porto como para o meu SLB.

Francisco Castelo Branco disse...

Acho que nao

Nao houve equidade
A Juventus estava na mesma situação

Houve dois pesos e duas medidas

Se se confirmar a suspensão é muito mau para todos
FCP e futebol portugues

Margarida Balseiro Lopes disse...

Ouvi alguns excertos do Jornal das 7 na Sic Notícias. Julgo que o que está em causa nesta decisão da UEFA é a questão da rectroactividade da lei.

Em 2004, época a que remonta o crime pelo qual o FCP foi condenado, não estava em vigor nada que implicasse o afastamento dos clubes que violassem a "verdade desportiva", como diz o Né. E deverá ser este o caminho seguido no recurso portista.

Se se tratar claramente de uma injusta retroactividade da lei, acredito que a decisão possa ser revertida.

Margarida Balseiro Lopes disse...

Sim, Xico, sem falar da situação italiana, que passou impune...

Inês Rocheta Cassiano disse...

Em relação à Juventus, três notas:
- o castigo que lhe foi aplicado internamente fez com que descessem de divisão
- mesmo que não descessem, foram-lhes retirados pontos que lhes impedia a qualificação para a Champions
- esta lei desportiva foi criada em 2008, pelo que a Juventus não poderia ser punida, visto que foi julgada em 2007

luis melo disse...

Os factos constantes no caso do FCP remontam a 2003/2004.

Como diz, e bem, a Inês... a lei é deste ano.

frederico carvalho disse...

o titulo do post deu-me vontade de rir :)

mto bem

Anónimo disse...

Por momentos pensei que o título do post fosse: "Marques Mendes condecorado no 10 de Junho, só na Playstation" :))))

EM disse...

Então um clube de futebol (uma instituição) é condenado por tentativa de corrupção (um crime) e dizem que em 2003/2004 podia-se corromper árbitros que não era crime? Mas estão "parvos" ou quê? Este FCP... não têm juizo... bye bye UEFA, bye bye CHAMPIONS !!!

Baia disse...

Caros amigos, o caso da Juventus tem contornos diferentes do caso do F.C Porto. A Juventus foi castigada há dois anos, tendo descido de divisão, iniciado a 2º divisão(série B) com menos 20 pontos e foi excluida das competições europeias.
Tudo isto remonta ao Calcio Caos que era "comandado" pelo Director Geral da Juventus, Moggi.
O Milão foi arrastado e também sofreu uma penalização de 20 negativos na Série A. A partir deste caso é que foi criada a actual lei.
Como tal pergunto "Porque motivo a Juventus deveria ser novamente penalizada?!", Já não bastou descer de divisão, perder os principais jogadores (Ibrahimovic, Zambrotta, Vieira, Thuram e Cannavaro)?!
Não faz qualquer sentido falarem da Juventus, isto só demonstra que em Portugal somos muito brandos em matéria de corrupção

Margarida Balseiro Lopes disse...

"Porque motivo a Juventus deveria ser novamente penalizada?!"

E por que razão, deve ser o FCP penalizado por um crime que cometeu quando deportivamente nada o punia?

A questão da Juventus foi levantada pelo presidente da FPF, Gilberto Madaíl...

Baia disse...

E porque razão a Juventus foi penalizada nas mesmas condições que o FC Porto se encontra presentemente?!Se estavam assim tão inocentes porque não contestaram assim que foi imposto o castigo interno?!O porto está habituado a passar impune perante as falcatruas dos seus dirigentes. Muito se falou nas duas ultimas décadas, muito se viu desde o Garrido na cabine dos árbitros no Estádio da Reboleira, aos "Guímaros", as viagens ao Brasil, as conversas do "café com leite", etc.
É verdade que tem contribuido para o sucesso do futebol e do prestigio de Portugal. Talvez a medida correcta seria manterm este ano a participação na Champions desde que fosse assegurado que desceria à 3º divisão nacional.

polvo disse...

Como portista que sou cumpre-me tecer alguns comentários:

- O F.C.P. devia ter recorrido da decisão internamente quer por uma questão de honra quer por tacticismo como se mostra agora;

- Nunca estive confiante nesta primeira decisão. A UEFA estava mesmo à espera de poder aplicar este preceito.

- O F.C.P. é o clube ideal para a UEFA penalizar pela primeira vez com a aplicação desta lei.`É suficientemente grande para meter medo aos outros mas não tão grande que consiga afrontar o poder da UEFA.

- Estou convencido que a razão em termos formais assiste ao meu clube.

- E que o tribunal de Lausanne nos vai dar razão na 2a instância de recurso.

- Se o Porto não fôr à Liga dos Campeões sou de opinião que a próxima época tem que ter uma planificação diferente. Há que vender craques para não aumentar o passivo que é já insustentável.

Com cumprimentos de um Polvo amargurado.

luis melo disse...

Caro Baia, o que diz não é verdade:

"A Juventus foi castigada há dois anos, tendo descido de divisão, iniciado a 2º divisão(série B) com menos 20 pontos e foi excluida das competições europeias"

Não foi excluída. Simplesmente não se candidatou a fazer parte. Até porque sem o titulo de campeão não preenchia os requisitos.

"O Milão foi arrastado e também sofreu uma penalização de 20 negativos na Série A"

Mais uma vez está errado. O Milan começou a Série A com 8 pontos negativos.

Ricardo Lopes disse...

Não costumo comentar por aqui...
Mas esta "posta" da Inês é dura de mais.
Não basta a desilusão, ainda temos de ter a nova-maior a adaptar canções e a satirizar a desgraça alheia.

Deixo um apelo à esposa do AB do Psico para, na medida das suas possibilidades, exercer pressão que consiga a expulsão desta infame psicótica.


Beijos e abraços,
o sócio do AB

Paulo Colaço disse...

ehehe, só mesmo o meu sócio para me fazer comentar num post sobre futebol ehehe.

Bem-vindo às caixas de comentários e volta sempre.


(Nota: nessa sala trabalha-se!!!)

Baia disse...

Boa tarde
Reafirmo o que disse!!
Eu gosto que falem com numeros exactos e não de cabeça. Comentar para demonstrar ignorancia é preferivel estar calado.
Na mesma situação em que se encontra o porto (sem recursos), a Juventus desceu à serie B com MENOS 30 PONTOS, o Milão com MENOS 15 PONTOS na Série A.
É uma questão de "googlar", assim já não corre o risco de dizer disparates

Baia disse...

E continuando a esclarecer "espertos" do futebol...
Só em cima do Europeu é que o CONI alterou as penalizações de maneira a impedir a Juventus e o Milao de avançar para os tribunais. Tudo isto porque a FIFA já se preparava para substituir a itália no campeonato do mundo pelo (creio) Pais de Gales e retirar as equipas italianas das competições europeias.
SÓ NESTA ETAPA É QUE DIMINUIRAM AS PENALIZAÇÕES

Margarida Balseiro Lopes disse...

EHEHEH

Pois é, Ricardo, a Inês vai ter de levar uma reprimenda... ;)

Mas, julgo que fazer parte da phamília psicótica já é mau que chegue!

Luís Nogueira disse...

LOL gostei Inês "só na playstation" - No entanto julgo que se foi provada a ilegalidade, o FCP deveria descer de divisão, assim como todos os outros a quem fossem comprovadas a ditas práticas irregulares...

luis melo disse...

Caro Baia, parece estar muito exaltado, mas não vale a pena. Muito menos vale a pena insultar outros comentadores deste excelente blog.

Até porque, parece que no final de contas, eu tenho razão no que digo.

Não esteja tão exaltado. Também sou adepto e sócio do FC Porto, mas não fico assim. Relaxe.

Margarida Balseiro Lopes disse...

HEHEHEH
Agora é que o Baía se passa de vez: chamarem-no portistas.

Luís, prepare-se! :)

Baia disse...

Pois
sendo adepto do Porto eu dou o desconto necessário para uma eventual e aparente dificuldade de percepção.
Mas uma dica...procure por informações do Calcio Caos e veja qual foi o castigo aplicado á Juventus, Fiorentina e Milão antes do recurso.
E perceba porque diminuiram os 30 PONTOS NEGATIVOS!

Baia disse...

Caro Luis
após algum feedback que achou que tinha sido algo duro a responder-lhe (e relendo as minhas palavras reconheço isso) reformularei a minha mensagem.
Quando ocorreu o calciocaos a Juventus, tal como já referi foi penalizada em 30 pontos negativos e...na Serie A. Se fizermos as contas é pior do que ir para a Série C(3º divisão).
A juventus ia recorrer e participar na champions mas como toda esta situação coincide com o mundial a FIFA ameaçou substituir a Itália por outra selecção italiana.
O comité olimpico, os clubes italianos e a federação italiana já tinham sofrido um caso semelhante com o tottonero quando o milão desceu à segunda divisão e uma das grandes estrelas até estava envolvida, os mais velhos deverão-se lembrar... do Rossi.
Houve mais tarde também uma situação que envolveu o Marselha, na altura detentor da taça dos campeões e o Bernard Tappi.
com estes casos o futebol italiano viu-se na obrigação de encontrar uma solução interna e que satisfizesse ambas as partes, foi ai que diminuiram os pontos de castigo e a juventus por vontade própria não quis participar nas competições europeias.
Para finalizar gostaria que da próxima vez se me quiser ofender me chame tudo o que lhe vier à cabeça mas JAMAIS me chame de Portista. é a ofensa mais grave que conheço.

Bruno disse...

Apesar de já chegar (muito) atrasado, não quero deixar de comentar este post.

Primeiro para dizer: Parabéns Inês! Belo post, Grande título, adaptação livre Hilariante!

Depois para deixar bem claro que, na minha opinião, é de toda a justiça que o Futebol Clube do Porto não participe na próxima edição das competições europeias. Justo seria também que não participasse na Primeira Liga portuguesa (eventualmente até que não paticipasse nas competições profissionais).

Digo isto pelo simples facto de achar que há atitudes gravíssimas e que devem ser punidas com mão pesada, sendo a corrupção (seja de que espécie ou forma for) uma delas, senão mesmo a pior.

Podemos depois discutir se os clubes italianos envolvidos no Calciocaos foram julgados da mesma forma ou não. E, efectivamente, deve haver igualdade! Portanto, se alguma coisa os portugueses e a FPF devem pedir é que os clubes italianos sejam penalisados e não que o FCP seja ilibado.

Não conheço os regulamentos em pormenor e nem sou especialista em Direito mas também não estou a tentar ser. As opiniões que aqui deixo respeitam apenas à minha noção de justiça, reforçada pelo que ouço dos adeptos de futebol e cidadãos comuns. As pessoas estão fartas de ver atitudes graves serem desculpadas e não punidas!

Bruno disse...

Ouvia ontem Rui Santos na SIC e foi das poucas vezes que concordei com o cromo-comentador: percebe-se nitidamente que houve jogos de influências nesta nova decisão da UEFA de anular a exclusão do Porto.

A Directora Executiva da Liga a desautorizar o seu Presidente e a Comissão Disciplinar, o representante da FPF a mudar as declarações que fez, o Conselho de Justiça a preparar-se para defender a tese de que recorrendo da pena aplicada ao seu Presidente o FCP manifesta discórdia também com a subtracção de 6 pontos que lhe foi aplicada...

A verdade é que parece que apalhaçada continua... Infelizmente!

Paulo Colaço disse...

Será mais um caso de polícia?

jfd disse...

P A L H A Ç A D A !!!