segunda-feira, fevereiro 04, 2008

Tudo o que sempre quis saber sobre as eleições norte-americanas e que só o Psico explica...




Amanhã, super-tuesday é com o Psico!

José Pedro Salgado
modera uma tertúlia sobre o sistema eleitoral norte-americano. Temas: sistema eleitoral, quem são os pretendentes à nomeação democrata e republicana, seus percursos e principais ideias.

Oradores:
MÓNICA FERRO – Docente no ISCSP
NELSON FARIA – Psicolaranja
PEDRO RODRIGUES – Presidente da JSD

Nota: a Inês Cassiano fará o acompanhamento on-line dos diversos acontecimentos para não perdermos pitada.

96 comentários:

Paulo Colaço disse...

Desde já agradecemos à Dra. Mónica Ferro a presença no nosso psico-evento.
Ao líder da Jota também agradeço, embora saiba que o Pedro, ainda que não viesse como orador, não perderia este debate por nada!

O objectivo é saber um pouco mais sobre o processo eleitoral nos EUA, conhecer melhor os candidatos e saber as diferenças entre democratas e republicanos.

Estou certo de vir a aprender imenso com esta tertúlia.

jfd disse...

Espero que corra bem e que seja uma boa tetúlia a acompanhar uma Super Tuesday que eu estava ansioso também por acompanhar.
Mas pronto, fui apanhado pela Estratégia Empresarial, e lá vou prestar prova oral :)

Deixo só aqui algumas recomenções à pita(da) Cassiano:

http://www.drudgereport.com/
http://www.huffingtonpost.com/
http://www.politico.com/

De resto abraços beijinhos e tal

Paulo Colaço disse...

Não estás dispensado de enviar as tuas dicas ao longo da noite: sei que farás várias pausas no estudo.
Nesses momentos, linka-te!

curioso disse...

Por onde poderemos fazer o acompanhamento on line?

Tiago Sousa Dias disse...

Acho que será muito útil se um dos oradores conseguir fazer uma explicação sucinta do método eleitoral americano no seu total.
Por outro lado quero lançar uma pequena pergunta ao JFD e ao Né que parecem ser aqui da malta os mais atentos.
Era previsivel a posição de John Edwards e Giuliani face aos acontecimentos das duas primeiras semanas e apartir do momento em que se percebeu que nem um nem outro teria força para se manter na corrida.
Mas Shwarzneger e Ted Kenedy não terão um papel muito mais pesado neste momento? Ou seja (por outras palavras), não estaremos a viver um momento sui generis em que nenhum dos ex-candidatos terá elegibilidade para vice...?
Nota: esta pergunta não é indiciária, é ingénua mesmo. Mas acho que, pelo que vejo, terá muito mais peso eleitoral tanto um como outro.

Paulo Colaço disse...

ehehe, caro Curioso, esta é uma produção caseira, quase familiar.
Não teremos transmissão live.

curioso disse...

Tenho pena gostaria de vos acompanhar mas assim fico à espera dos resultados

Paulo Colaço disse...

Nem todos os eventos do Psico são grandes produções :)
Um dia serão, quem sabe?

Filipe de Arede Nunes disse...

Não sei se vou conseguir estar presente, mas tenho pena, porque apesar de não ser um conhecedor do sistema americano - e o que conheço não faz de mim um fã, antes pelo contrário - gostaria de ouvir falar um bocadinho sobre o assunto.
Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

polvo disse...

Boa iniciativa!

Não posso estar presente mas estarei atento aos soundbytes que daí resultarem...

Votos de uma boa Super Tuesday. E cm se dizia no fim dos episódios do Dragon Ball: "Não percam a Super Tuesday porque nós também não.."

Cumprimentos das profundezas

Paulo Colaço disse...

Caro Polvo e tutti quanti,
estaremos sempre on-line para receber comentários/perguntas/reflexões, quer no blog quer por e-mail (psicolaranja@gmail.com).

Inês Rocheta Cassiano disse...

Vai ser com toda a certeza outro grande evento do PSICO!
Bons oradores, boa casa e uma boa noite, assim o espero!

Obrigada pelas dicas JFD!

Inês Rocheta Cassiano disse...

Só uma pergunta Colaço, foi coincidência referires-te a mim e utilizares o termo pitada?

jfd disse...

Heys!
Obrigado Colaço!
De nada Pita!
Abraços aos outros :)
Boa pergunta Tiago!

Eu como ando no mundo das análises SWOT, SCP, Porter, BCG, Matrizes, Derivas, Funções e afins, ando a leste ;( Vou sabendo o que oiço no meu aipodes enquanto comuto de
casa-estudo-uni-casa-estudo-casa.
E agora vinha a ouvir o Meet The Press de Domingo e o Face the Nation e uma das perguntas e pontos de vista recorrentes tinham que ver com o facto de HRC e Obama concorrem no mesmo Ticket seriam quase imbativeis... Mas pronto... Não sei...

Do lado dos elefantes, McCain continua a defender-se dos ataques baixo nível do outro candidato, que entretanto no espaço de uma semana já mudou de opinião 3 vezes em 2 assuntos, foi giro ouvir mais flip flops. É uma palhaçada. Dos dois lados. LOL

Eu só tenho um desejo para amanha... Quero que tanto o McCain e o Obama ganhem a California. Para mim é um sinal divino que o mundo ainda tem volta e que há justiça em mensagens positivas, e castigo para os mauzões ;)))

Paulo Colaço disse...

Foi um bom trocadilho, não?

big mamma disse...

Uma pergunta deste já: a Clinton pode convidar o marido para vice-presidente?

jfd disse...

Paulo foi excelente:)
Big M, poderia, se fosse aceite pelo Partido e pelo orgão que "ratificaria" essa escolha. Estou certo Né?

jfd disse...

Here we go again!
Depois de perder a voz num outro evento, a senadora Hillary, chora de novo noutro local.
Já não há paciência. GOLPES BAIXOS.
Mulheres na política para isto? Haja paciência.

NEW HAVEN, Conn. – Sen. Hillary Clinton teared up this morning at an event at the Yale Child Study Center, where she worked while in law school in the early 1970s.

Penn Rhodeen, who was introducing Clinton, began to choke up, leading Clinton's eyes to fill with tears, which she wiped out of her left eye. At the time, Rhodeen was saying how proud he was that the sheepskin-coat, bell-bottom-wearing young woman he met in 1972 was now running for president.

"Well, I said I would not tear up; already we're not exactly on the path," Clinton said with emotion after the introduction.

Clinton is holding a roundtable discussion with Connecticut women to talk about childcare and healthcare.

When Clinton got misty-eyed at an event in New Hampshire on Jan. 7, politicos and pundits filled hours discussing if it helped her, and Clinton eventually pointed to the moment as when she "found her voice" and turned the corner in the Granite State.

At the time, there was much debate if the candidate's emotional response to a question -- "How do you do it?"" -- was genuine or calculated.

Let the conversation begin again...

Posted by Jason George on February 4, 2008 10:30 AM
http://www.swamppolitics.com/news/politics/blog/2008/02/clinton_crys_in_connecticut.html

jfd disse...

Connecticut
Survey USA 2/4
Barack Obama 48%
Hillary Clinton 46%

California
Reuters/C-SPAN/Zogby 2/4
Barack Obama 46%
Hillary Clinton 40%

California
Survey USA 2/4
Hillary Clinton 53%
Barack Obama 41%

Georgia
Reuters/C-SPAN/Zogby 2/4
Barack Obama 48%
Hillary Clinton 31%

Georgia
Strategic Vision 2/4
Barack Obama 49%
Hillary Clinton 27%

Massachusetts
Suffolk 2/4
Barack Obama 46%
Hillary Clinton 44%

Massachusetts
Survey USA 2/4
Hillary Clinton 56%
Barack Obama 39%

Missouri
Reuters/C-SPAN/Zogby 2/4
Barack Obama 47%
Hillary Clinton 42%

Montana
Rassmussen 2/4
Hillary Clinton 46%
Barack Obama 40%

New Jersey
Survey USA 2/4
Hillary Clinton 52%
barack Obama 41%

New Jersey
Reuters/C-SPAN/Zogby 2/4
Hillary Clinton 43%
barack Obama 43%

New Jersey
Quinnipiac 2/4
Hillary Clinton 48%
Barack Obama 43%

New York
Survey USA 2/4
Hillary Clinton 56%
barack Obama 38%

New York
Quinnipiac 2/4
Hillary Clinton 53%
Barack Obama 39%

http://www.dailykos.com/

jfd disse...

Mas atenção, assim que postei isto recebi um alerta de que a Zogby já tinha dados novos.

http://zogby.com/news/ReadNews.dbm?ID=1445

O problema é que elas estão um cadinho atrasadas, tipo dois dias... e vai ser tipo New Hampshire. Só se saberá no FIM ;)

Lembra-me o tema do 1º Big Brother, Tudo pode Acontecer ;)

jfd disse...

Bem estou a ser bombardeado por alertas... E não me está a cheirar muito bem...

Cheira-me marketing político ao mais alto nível. Falo dos democratas. O Obama que se ponha a pau, senão amanha perde tudo.

Ora coisas deste género:

(...)
WASHINGTON (CNN) -- Democratic Sen. Hillary Clinton is losing ground to Sen. Barack Obama in a national CNN/Opinion Research Corp. poll released on the eve of critical Super Tuesday presidential primaries and caucuses.
(...)

só servem para uma coisa. Assustar as pessoas, fazendo com que votem Hillary... Vão ver.... :P
São muito espertos eles... Há pois são!

Nélson Faria disse...

São dois casos distintos: Edwards sempre se soube que se iria aguentar o máximo de tempo na corrida e depois tentaria a sua sorte e ver se garante um lugar no bilhete.

Giuliani era o preferido até há muito pouco tempo: o seu apoio a McCain dificilmente o leva ao lugar de VP, nem penso que o tenha feito com essa intenção.

Penso que Giuliani apoia McCain por ser o único candidato próximo dele; penso também que dificilmente pode esperar ser candidato a VP porque não acrescenta nada ao bilhete: talvez ajude na disputa da costa este se hillary for a candidata, mas em nada garante o eleitorado mais conservador que McCain tem problemas em agarrar.

Schwarznegger é também da ala mais "esquerdista" dos Republicanos, e como tal também só poderia apoiar McCain.

E tens razão Jorge na resposta à Big Mamma: Bill CLinton pode ser candidato a VP. Duvido que o seja, penso que será Bill Richardson. Dependendo de o que ocorrer amanhã não seria de desprezar a candidatura de Obama como VP de Hillary. Mas penso que seria mudança a mais: uma mulher e um negro? Mexe com muitos preconceitos ao mesmo tempo e os republicanos deverão apresentar um moderado (McCain).

Não sei se os democratas querem perder, uma vez mais, as eleições que é impossível perder ;)

Nélson Faria disse...

Eis a média das sondagens sobre alguns dos Estados em disputa hoje:

Hillay ganha
Alabama (2% vantagem)
Arizona (6% vantagem)
California (2,6% vantagem)
Connecticut (4% vantagem)
Massachussets (12% vantagem)
Missouri (4% vantagem)
New York (17,2% vantagem)
Oklahoma (27,7% vantagem)
Tenessee (13,3% vantagem)
New Jersey (7% vantagem)

Obama ganha
Colorado (2% vantagem)
Georgia (15% vantagem)
Illinois (33% vantagem)

No campo republicano há mais animação (Huckabee ainda disputa alguns:

McCain ganha
Alabama (7% vant. sobre Huckabbe)
Arizona (16,3% vantagem)
California (2,2% vantagem)
Connecticut (22% vantagem)
Georgia (2,8% vantagem)
Illinois (15,7 vantagem)
Missouri (6% vant. sobre Huckabee)
New Jersey (24% vantagem)
New York (31% vantagem)
Tennessee (3% vant. sobre Huckabee)

Romney ganha
Massachussets (22% vantagem)

Dito isto, a tendência é Obama pelo que pode haver surpresas ;)

carnaval disse...

Pena q o evento tenha sido pouco divulgado, isto é só tenha sido publicar hj no psico.
No entanto, amanhã é dia de folia... apesar de ser mais uma iniciativa mt interessante...valores mais altos se levantam lol
bjs e abraços aos psicos...

jfd disse...

Nova Iorque está neste momento ao rubro.
Os Giants, vencedores da Super Bowl de Domingo, estão neste momento numa parada que anima a cidade! As pessoas votam! É a loucura!

Bruno disse...

Em relação ao que já aqui foi dito sobre a divulgação do evento, o Colaço já referiu - e bem - que se trata de uma tertúlia, e não de um debate onde se pretende uma mobilização em massa.

A ideia deste psico-encontro é juntarmo-nos para ir acompanhando e discutindo os resultados eleitoriais. Para isso, estaremos munidos de algumas pessoas que convidámos e que auxiliarão com o seu conhecimento sobre o tema.

Todos os Psico-Amigos poderão acompanhar a coisa tal como nós: pelas notícias! e poderão participar através de comentários, tal como nós iremos farendo ao longo da noite. Poderão ainda enviar mails para o endereço já referido (psicolaranja@gmail.com) com questões para os nossos oradores que iremos procurar postar em comentários...

Certo Psicomaltinha?

Bruno disse...

Quanto à minha presença, contem comigo! Apesar de não ser tão entusiasta deste tema quanto o Né e o JFD, sou um curioso da política americana e penso que o sistema deles tem características muito curiosas.

Hoje, espero aprender imenso e "juntar as pontas" de algumas informações soltas que vou tendo sobre política à americana. E arranjar argumentos para defender um sistema presidencialista em Portugal que possa responsabilizar directamente o homem ou a mulher que dá a cara!

jfd disse...

Quanto ao teu comentário Né.

O Ex Mayor de Nova Iorque, como já é sabido está interessado em ser Procurador Geral dos EUA e não VP.

Quando o Né fala em bilhete, refere-se à expressão ticket, que nas eleições dos EUA refere-se ao conjunto de candidato a presidente e a vice presidente que em conjunto são um "bilhete" para a Casa Branca.

John Edwards ao ser apoiado pela extrema esquerda, como por exemplo, o http://www.dailykos.com/ e depois de ter tido vergonhosa votação na sua terra Natal, será candidato a VP no dia que a Odete Santos for Presidente do CDS/PP. Falar nisso sequer, é só perder tempo :) Fala-se é, que aproximou a campanha de Obama para pedir o mesmo lugar que referi, Procurador Geral e que lhe foi dado um redondo não, mas nada é confirmado. Agora das duas uma, ou continua genuinamente a querer o seu assunto das Duas Américas no mapa, ou então quer mama!
Seja como for, se não apoiou ninguém até agora, se o resultado de amanha foi preciso, ele já não conta para nada. Se o resultado for ela por ela, então poderá ser o tal king maker mesmo antes da convenção.

No que toca ao Bill Richardson, é mais um golpe de génio dos Clinton (mas baixo para variar) mostrar que o Ex Presidente Clinton vai com ele ficar a ver o resultado da Super Tuesday, como quem diz, os latinos estão mesmo comigo. Enfim, política ao mais alto nível.

Quanto ao comentário:
"Schwarznegger é também da ala mais "esquerdista" dos Republicanos, e como tal também só poderia apoiar McCain."

É extremamente redutor da realidade Americana.
O Governador da Califórnia é só o Republicado do futuro e o mais popular em toda a América. Só n é o candidato porque não pode ser por não ter nascido Americano. E o facto de McCain poder ser o nomeado a candidato, só demonstra que realmente podem ser republicanos mas não precisam ser obstinados. E graças a Deus por isso. Pois essa América que chama o Terminator de esquerda e que anda a bradar nas ondas hertzianas que vota Hillary se o candidato for McCain, é para mim, a América que tem de crescer. Acordar para a vida e ver os novos tempos.

Os democratas e os republicanos têm uma grande diferença a meu ver. A sua visão do Estado. Menos Estado do lado elefante, mais estado do lado burro. Aí sou elefante.
Já no que toca a direitos sociais e essas tretas todas, ambos pensam que o Estado tem o direito a meter-se no conceito de família. Não sou por nenhum. Seja família quem quiser. Quero lá saber. No que toca aps impostos e redistribuição. Não sei qual a minha posição ainda. No que toca à guerra e ao intervencionismo, sou a favor do Ron Paul... Que acabe todo o intervencionismo, e caso seja necessário haver que seja enquadrado na NATO e uma esforço mundial. De resto não tenho mais opinanços.

jfd comentários mais terra-a-terra :)

Bruno disse...

Malta, bora lá fazer uma vaquinha pa comprar uma poltrona confortável ao Jorge. Ele quer esperar que os americanos cresçam :P

Nélson Faria disse...

Para o Jorge:

John Edwards continua a ser o democrata que garante a mobilização de toda a esquerda e deixa o candidato a Presidente brincar no centrão à vontade: é um óptimo candidato a VP.

Com Giuliani concordamos que ele não busca VP. Eu apenas acho que ele se afastará da política enquant agente. Ou isso ou terá de engolir o ego.

Schwarznegger é da ala esquerda do partido republicano (eu posso falar à vontade, é "a minha" ala: é sensível no controlo de armas, é pro-activo nas alterações climáticas, é sensível na questão social, não é um social-conservative.

Gostes ou não, isto é público: no dia em que Schwarznegger apoia McCain disse um claro It's Rudy fault!. Ele só apoiaria um de dois candidatos e preferia Giuliani.

jfd disse...

Olha começando com o Terminator, tenho pena que te reduzas a enquadramento de alas políticas americanas. Pois os exmos têm palas e dali não passam. E tu vais mais além, espero! Com isto digo que pra eles preto é preto, branco é branco. Para nós há escalas, e depois há assuntos que não fazem sentido. Que porcaria é essa de controlo de armas?
Para mim só um cagão (e isto n é pessoal por isso n faças fita) é que diz eu sou a favor ou contra o controlo de armas!
Meu pobre país no dia que qq um poder ter uma arma! Nem é questão que se coloque!
Falar de política americana é divertido, agora qd se começa a pensar como um político americano e a tomar tudo como o supra sumo, já é um bocado triste. É que eu vibro com estas tretas. Mas sou daqui e aqui vou ficar!

Quando ao John Edwards, terás de me provar o que dizes, para eu compreender! Pois para mim o homem só fala para o seu target e não conseguiu arranjar mais ninguém para seguir a sua mensagem. É que nem populista conseguia ser.
O homem que começou a campanha a ser gozado por ter feito dois cortes de cabelo de $400, e depois ter vindo falar de duas américas? O homem que capitalizou e mediatizou o cancro da mulher? Give me a break ;)
Os outros dois estão no centrão?
Como?
Se cada um deles se gaba de ter o histórico de votos mais liberais? Que até a Hillary teve de atacar Obama sobre os seus votos "Presente" na Assembleia do Estado de ilinois para ver se marcava a diferença?
Estamos a ver filmes diferentes?

Nélson Faria disse...

Estamos a falar de eleições americanas certo? E do partido republicano dos EUA certo?

Então tenhamos a seriedade intelectual de ver as coisas como elas são e como elas podem ser relevantes no xadrez norte-americano.

Uma coisa é o discurso de primárias outro é o de eleições gerais.

Edwards, enquanto candidato a VP, prende a esquerda do Partido Democrata - o tal discurso das Duas Américas faz isso.

O candidato a Presidente brinca no centrão à vontade sem assustar a ala esquerda do partido e sem a desmobilizar.

jfd disse...

Pois. Falas de duas coisas.
Da análise e da tua posição.
Então qd dizes qual é a tua ala, é a tua ala como português em portugal, ou é a tua ala como potencial português nos EUA ou é a tua ala como potencial americano no EUA?

Seriedade intelectual é daquelas coisas que se atiram para o ar no meio dos argumento para colar as coisas, ou porque é bonito. Mas como pode-se ter seriedade intelectual numa coisa que serve para divertir? Descontrai que a vida é bela ;)

Quando ao John Edwards, repito como já disse noutro post e como mostraram as evidências. Radicalizou tanto o discurso. Entrou no ridiculo da história dos veteranos sem abrigo, que ficou na franja dos votantes que sempre teve. Nem subiu nem desceu. E esse poder de voto não faz, não fez e não fará diferença nenhuma.

E o que é o centrão na América?

Tu és engraçado, atiras umas coisas para o ar, não justificas não explicas e eu e os leitores é que têm de adivinhar?

Até já :)

jfd disse...

Mais uma para deixar o Né a ferver e aconselho que seja referênciada na Tertúlia.

Fica aqui um pouco do início o resto estará no link

(...)
Poll junkies beware: California exit polls are not to be trusted.

California has issued 5.5 million absentee ballots for today's primary, reaching more than one-third of the 15.7 million total voters registered in the state. As of yesterday, 3 million ballots had already been returned, and state officials expect about 75 percent of the ballots to be returned by the close of polls—that's 4.125 million people who voted without pulling a lever. (These numbers include both Democratic and Republican ballots.) The remaining ballots are expected to be turned in at polling stations today, just like you drop off a movie rental.
(...)
http://www.slate.com/id/2175496/

Devem ser agora 10:30 ou 11:30 na California...

Margarida Balseiro Lopes disse...

Eu vou.

Igualmente ansiosa por conhecer os resultados e por compreender melhor as eleições norte-americanas.

Até logo!

Nélson Faria disse...

Não sei se queres entrar na discussão de quem justifica ou não: não é a primeira vez que temos de mostrar que estás errado (Insignificância do resultado do Nevada, Mitt Romney no Michigan, as exit polls no New Hampshire...)

Conhecendo-me, sabes que levo as eleições norte-americanas muito a sério. E não gosto de perder tempo com quem fala de cor. A honestidade intelectual é, para mim, essencial. Saber o que se diz, porque se diz e justificar: como por exemplo eu justifiquei o apoio de Schwarznegger depois de tu teres debitado umas balelas.

Mais uma para acrescentar ao teu rol de "incorrecções".

O centrão na América: é o centro político existente em todos os países, não vinculados a um partido em particular.

Não são esquerda ou direita, votam no candidato que lhes parece ser o melhor candidato. É o eleitorado flutuante que dá vitórias.

P.S. Não percebo porque ficaria chateado com a notícia da Califórnia.

Nélson Faria disse...

Esqueci-me de Edwards: não considero despiciendo o seu valor eleitoral.

A esquerda gosta muito dele e é um tipo do Sul.

O seu fraco resultado eleitoral (atenção que ficou em segundo no Iowa) deve-se à clara sensação de vermos duas pessoas a correrem para Presidente e Edwards ser alguém que não o fazia.

jfd disse...

Incorreções?

O Nevada foi um resultado de caraca para a HRC, o Obama levou mais delegados. Foi sobre o resultado democrata que falava. Foram resultados que foram pré fabricados no tribunal, por causa da luta dos locais onde votar e quem podia votar. Eu previ que iria ser irrelevante. Mas não fui eu, fui eu ao analisar o que ouvia! Pois eu não sou magnânimo! Eu não prevejo nada!

O Michigan, dei-te razão e pedi-te desculpa, má onda atirares isso à cara. Mas pronto cada um com os seus argumentos!

Temos de provar mais uma vez as minhas incorreções?
Leva lá a bicicleta.
Quem somos o "temos"?
Que campeonato é este?
Tens a noção que és o único concorrente, logo, já ganhaste?

E leva a sério o que quiseres, tão a sério que até podes levar, também, a úlcera.

Ora ora que presumido.

Shame on u!

Não gostas de perder tempo, agradeço pela carectarização das conversas presente e passadas e mais não irás perder.
Ora ora....

"O centrão na América: é o centro político existente em todos os países, não vinculados a um partido em particular.

Não são esquerda ou direita, votam no candidato que lhes parece ser o melhor candidato. É o eleitorado flutuante que dá vitórias."
-> Esta tira-lhe o América funciona em qualquer país.

A quote que utilizas-te justifica alguma coisa?
http://www.politico.com/news/stories/0108/8230.html

Tu que és o freak das exit pools (vide o teu orgasmo com New Hampshire e O MEU ERRO), é obvio que o comentário é em jeito de graça, mas já que levas tudoooooooooooooo tão a sério, nem deveria ter brincado! Ou achas que eu eu acredito que tu, literalmente, FERVES?

Possa como como alguém estragar uma cena divertida!
É da maneira que vou estudar de VEZ!

Nélson Faria disse...

olha... chateou-se.

Bom estudo ;)

Paulo Colaço disse...

Super-tuesday, 22.39, hora de Lisboa

Estamos já na nossa tertúlia.
A Dra. Mónica Ferro já deu a sua aula sobre sistema eleitoral norte-americano e o debate fez-se em torno de alguns conceitos, tais como caucus.

Está neste momento a falar o Nelson Faria e ocupa-se do "libertário" Ron Paul.

Nota: sala cheia e muito animada.

Panamá disse...

Super-tuesday, 22:53 em Lisboa


Vejo, com apreensão, que o meu sócio Paulo Colaço ainda anda na rua, neste caso nessa tal psico-tertúlia.
Amanhã há trabalhinho, hein!? 9h30!!!

Ahhh... e que vença o Obama!


Abraços e beijos,
R. Lopes

Paulo Colaço disse...

22.56H

O Né continua a falar mas já está a responder a perguntas. Neste caso está a falar da organização dos pertidos norte-americanos.

Paulo Colaço disse...

Ehehe,
nao prometo às 09.30, mas antes das 10h conto estar na Punch.

Entretanto, a Inês Cassiano está a monitorizar a imprensa e deu-nos conta da vitória de Huckabee em West Virginia.

Paulo Colaço disse...

O Pedro Rodrigues já está a falar, começando por dizer que do lado republicano a luta é ideológica, no lado democrata a luta é 99% imagem.

jfd disse...

23.02
cheguei do Àgora.
Estudo a abordagem VRIO na abordagem das Forças e Fraquezas da Empresa.
Avanço com as gordas
Huckabee wins West Virginia Republican caucus

Lanço para o debate se for possível:

O paradigma desta campanha até agora, os Extremos estão a deixar de ser tão importantes:
Huckabee é social conservador mas governa moderadamente.
John Edwards, desta vez chegou-se mais à esquerda e com isso nada ganhou. Tanto Obama como McCain estão a puxar por pessoas que nunca votaram. Dogmas estão a cair.
A direita ultra conservadora está numa luta cerrada contra McCain a favor de Romney. Dominam as ondas de rádio. A esquerda ultra liberal, que domina a internet, esteve com Edwards e está orfã.
A sociedade estará realmente a mudar? Que dizem senhores convidados?

jfd disse...

99% imagem? depois elabora se possível Paulo Colaço ;)


Panamá dá-lhe um desconto :) Em talão continente :)

Paulo Colaço disse...

Jorge, o debate está quente mas vou aproveitar uma brecha para meter a tua farpa em cima da mesa.

jfd disse...

Paulo quando for a parte das perguntas! E se possível! thnx!

Paulo Colaço disse...

O Pedro diz que tanto Clinton quanto Obama tem feito por fugir aos grandes temas (saude, educação, etc) e têm feito por ganhar atraves da imagem. Clinton enquanto mulher de Estado, Obama enquanto o homem da mudança.

jfd disse...

23:16
Dor de corno:
A Campanha de Romney acaba de acusar um acordo entre Huckabee e McCain que terá dado uma vitória prévia ao primeiro na W.Virginia...
LOLOLOL
http://thehill.com/campaign-2008/romney-camp-accuses-mccain-huckabee-of-shady-w.-va.-deal-2008-02-05.html

jfd disse...

Concordo com o Pedro a 100%!
É uma das táticas dos democratas... Não se definirem em nada para depois qd se souber quem são os nomeados poderem ter as portas abertas.
No entanto a campanha Clinton abriu as hostilidades no que toca à raça e aos golpes baixos. Mas no último debate a dois, todos amigos ;)
É assim mesmo que se faz uma campanha primária quando se sabe que se tem muitas hipoteses de um deles ser o próximo PreZ dos EUA :)

Paulo Colaço disse...

JOrge, é também essa a convicção da sala quanto ao "pacto de silencio" democrata.

jfd disse...

California:
Problemas nas secções de fotos estão à frente!

Some voters encounter locked doors and other delays as they turn out for the state's pivotal primary.

By Tiffany Hsu, Paloma Esquivel and Molly Hennessy-Fiske, Los Angeles Times Staff Writers
1:55 PM PST, February 5, 2008

At least two Los Angeles-area polling places were shuttered this morning when voters showed up to cast their ballots, and other polling sites reported long lines and scattered glitches, though county election officials described today's vote as going relatively smoothly.

Californians are turning out today -- possibly in large numbers -- to choose presidential nominees and decide the fate of seven ballot propositions and numerous local issues.
(...)
http://www.latimes.com/news/politics/la-me-calvote6feb06,1,750964.story?ctrack=1&cset=true

jfd disse...

A campanha Clinton continua o seu SPIN

Para quem não sabe a expressão SPIN aplica-se quando alguém dá a volta às noticias de tal forma que as adapta ao que quer que elas realmente lhe convenham;)
A máquina Clinton é excelente neste caso, ora leiam há miutos um senior da campanha à NBC diz o seguinte:

In the Clinton campaign's second conference call with reporters in the last two days, communications director Howard Wolfson said -- at least four times -- that "the results tonight will be inconclusive."

"The results will be inconclusive. Sen. Obama will do well in some parts of the country; in other parts of the country, Sen Clinton will do well. So this will be just another step, although a large step, on the road to Denver and choosing a nominee."

Asked if there won't be momentum and bragging rights coming out of the returns, Wolfson joked: "Sure, whoever wins New York can be declared the winner."

(...)
http://firstread.msnbc.msn.com/archive/2008/02/05/640519.aspx

jfd disse...

Curiosidade:

Oprah, Matt Damon, George Clooney e DeNiro estão com Obama.

Do lado de Clinton estão 50Cent, Madonna, Jerry Springer e Barbra Streisand.

Quem ganhará a Califórnia?!?!?!??! ;)))

Paulo Colaço disse...

Jorge, o Pedro concorda contigo: os estremos estão a minimizar-se.

O Pedro atirou outra previsão: nem H.Clinton nem B.Obama farão dupla Pres/Vice.
Porquê?
Porque têm idêntica implantação no eleitorado e isso poderia trazer problemas de relacionamento institucional: imaginem um vice-presidente que tem a mesma popularidade do Presidente?

jfd disse...

Olha, bom ponto de vista...
Como iriam caber dois egos daqueles na Casa Branca ;)

Paulo Colaço disse...

João Gomes, dirigente da Juventude Socialista e amigo do Psicolaranja fez a seguinte pergunta:
um cidadão não alinhado com os grande partidos, como faz para ser presidente?

A mesa responde: candidata-se como independente. Mas lembramos Ross Perot que foi o independente que mais além chegou: 13%.
Porque? Bush pai estava em declínio e Clinton via rebentar o primeiro escândalo das secretárias.

jfd disse...

Drudge Report arrisca o seguinte!!!

WARNING: EXIT NUMBERS EARLY AND DO NOT REPRESENT ACTUAL VOTES:

OBAMA: Alabama: Obama 60, Clinton 37... Arizona: Obama 51, Clinton 45... Connecticut: Obama 53, Clinton 45... Delaware: Obama 56, Clinton 42... Georgia: Obama 75, Clinton 26... Illinois: Obama 70, Clinton 30... Massachusetts: Obama 50, Clinton 48... Missouri: Obama 50, Clinton 46... New Jersey: Obama 53, Clinton 47...

CLINTON: Arkansas: Clinton 72, Obama 26... California: Clinton 50, Obama 47... New York: Clinton 56, Obama 43... Oklahoma: Clinton 61, Obama 31... Tennessee: Clinton 52, Obama 41...

http://www.drudgereport.com/

jfd disse...

No que toca ao Ross Perot não esquecer o factor Milinionário!!!
Aliás, sem dinheiro, ninguém se poderá candidatar.

jfd disse...

Sondagem de choqueeeeeeeeeeee!!!!!

WASHINGTON (Reuters) - Democratic presidential hopeful Barack Obama surged to a big lead over Hillary Clinton in California hours before "Super Tuesday" voting began in 24 states, according to a Reuters/C-SPAN/Zogby poll released on Tuesday.

http://www.reuters.com/

jfd disse...

Devido aos problemas economicos que têm ensombrado os EUA e o Mundo, estas questões têm-se sobreposto a todas as outras nestas primárias desta Terça Feiras.
--->>>>
Dark economic clouds cast a shadow over today's primaries with voters in both parties and across the country weighed down more by financial concerns than by any other issues.

As it was in states that have already voted over the last month, the economy has been by far the most important issue to voters today. The preliminary results of our national exit poll indicate the economy is the top issue for Democrats and Republican voters alike.

Democrats — top issue:Economy 47%; War in Iraq 30; Health care 19.

Republicans — top issue:Economy 38%; Immigration 24; War in Iraq 20; Terrorism 15.


http://abcnews.go.com/PollingUnit/Vote2008/story?id=4244665&page=1


Barack Obama ganha Georgia!!!!!!

jfd disse...

A MSNBC diz que ele ganhou:
43% abaixo dos 40 anos
47% brancos
57% negros
66% dos Democratas Georgianos diz que é o melhor "Unificador" do país

A ABC diz:
Obama Overwhelmingly Wins Georgia Primary
Democratic White House Contenders Aim for Votes, Delegates in 22 States
In the first win of what is expected to be a long night, Sen. Barack Obama, D-Ill., defeated Sen. Hillary Clinton, D-N.Y., in Georgia, a key Southern state, winning 86 percent to Clinton's 13 percent, according to preliminary exit poll results. A record turnout of African American voters, who account for just over half of registered Democratic voters in the states, surged to the polls and overwhelmingly voted for Obama. (...)
http://abcnews.go.com/Politics/Vote2008/story?id=4243619&page=1

E eu vou ler mais um capitulo da sebenta, e fazer cábul...ups, resumir!
Até jazz

Paulo Colaço disse...

Jorge, devias estar nesta sala!
Isso de estudar já vimos que não fizeste...

José Baptista disse...

Mais um sucesso dos grandes, Psico!

Continuo de cama, com mais uma semana de repouso obrigatório, mas estou a acompanhar a discussão pelas fontes!

Força aí malta!

Bjs e abraços

Francisco Castelo Branco disse...

Parabens por este mais PSICO Evento.

Grande luta no lado republicano....
Romney e Mccain taco a taco.
E a supresa Huckabee a ganhar a Georggia. Será que são os seus delegados que vão desempatar?

No campo democrático, alvíssaraas para a luta Hillary\Obama, que se vai manter até depois da Super Terça
Ouvi no debate falarem de Edwards.
Gostei bastante da sua campanha e atitude.
Como vaticinaram aí, daria um excelente Vice-presidente dos Eua

jfd disse...

heys tou de volta pra dizer boa noite!

Colaço claro que estudei! agora tenho é sono e amanha já é daqui a pouco! vou dormir!

Zé as melhoras!
Francisco a Georgia ainda não foi proclamada pra ninguém do lado dos Reps! Tem vacilado plos 3 ;))

Até agora seguros estão:
AR: CLINTON
GA: OBAMA
IL: OBAMA
OK: CLINTON
TN: CLINTON

AR: HUCKABEE
CT: MCCAIN
DE: MCCAIN
IL: MCCAIN
MA: ROMNEY
NJ: MCCAIN
WV: HUCKABBE
http://www.drudgereport.com/

Faltam mais 8 minutos para avançarem mais uns 8 estados!
bem tou no ir
adios
congrats psico

jfd disse...

A MSNBC acabou de avançar Huckabee como vencedor do Alabama, a meio de uma entrevista com o Bill Richardson.

Francisco Castelo Branco disse...

Fico contente com o desempenho de Mike Huckabee....
Ainda estão no debate?
Podem pedir a alguém aí na mesa para fazerem um perfil psicológico e politico do Huckabee?
Está a surpreender me...

jfd disse...

A NBC projectou agora mesmo Hillary como vencedora de Massachusetts

jfd disse...

Atenção às projeções dos democratas, pois os delegados são divididos taco a taco e quem ganha não é necessáriamente quem leva mais delegados ;))

Francisco Castelo Branco disse...

Hillary ganhou em sua casa:....
Nova IORQUE É do clâ!
Agora resta saber se consegue chegar aos 281 delegados que este Estado elege....
É pena não ser....
Vitória= total de delegados

jfd disse...

This is jfd on the way to BED!
hopping to wake up to an Obama/McCain California! :)

Francisco Castelo Branco disse...

Mas em Nova Iorque poderia ser........
Eram logo 281 para a minha candidata.....

jfd disse...

O ex pastor é o factor surpresa das primárias!
Ele próprio parece um puto que está no recreio desde a primeira primária.
Tem pouco dinheiro é conservador mas foi moderado como governador do Arkansas.
Tem vaipes daqueles que os Reps têm quando são muito religiosos e quer acabar com o IRS e impôr o IVA ;)

jfd disse...

Queriasssssssssssssssssssss;))))))))))
fuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Francisco Castelo Branco disse...

É uma coisa diferente...o Nélson faria falou nisso
Não é o IVA. acho que tem a ver com as prostitutas e coisas ilegais

P-S: Fiz a A5 em 12 minutos hehehe

Francisco Castelo Branco disse...

Uma coisa engraçada:

O Barack costuma ganhar os Caucus todos. Já reparei neste facto.
É o que me parece.
Foi em IOWA e tem sido assim na maioria dos Estados que se votou por este sistema...

Porque será?
Ainda estão a debater?

E porque é que a maioria das eleições republicanas são por primárias e não por Caucus?
São inferiores ao numero de democratas

Francisco Castelo Branco disse...

Esta malta da CNN, está sempre a fazer intervalos
São piores que os portugueses nas novelas.
Mas aqui é nos noticiários
E repetem sempre as mesmas reportagens nos intervalos

Wolf Blitzer um muito bom pivot.
Com personalidade e sabedoria.
Não queriam os nossos pivots televisivos tirar um curso com ele?

Francisco Castelo Branco disse...

Estátua da Liberdade para JOHN MCCAIN. é um Winner state.
(acho q é isto lol)......

São 101 delegados para o ex prisioneiro de Guerra.....

Estamos perante o provável candidato Republicano para as eleições gerais...

Que grande recuperação!!

Mesmo assim continuo a preferir Mike Huckabee

Paulo Colaço disse...

05.00H

O debate terminou quando eram 02.00H.

Outros temas foram sendo anexados à discussão inicial (pena de morte e adaptabilidade do sistema eleitoral norte-americano à europa foram dois deles).

Como o Bruno dizia acima, as tertúlias do Psico não são eventos de mobilização. Projectámos o evento para 20 pessoas, estiveram 29.
Creio que todos aproveitaram bem o tempo de debate.

Espero que seja sempre assim nos psico-eventos.

Nélson Faria disse...

Bom... o fair tax não é só taxar as "coisas ilegais" ;)

A fair tax centra-se, muito rudemente, em abolir todos os impostos a nível federal e estabelecer uma taxa sobre transacções... todas as transacções.

Quanto a Mike Huckabee (esse senhor que muito estimo e prezo) eis o apontamento que fiz para o debate de hoje:

Data Nascimento 24 de Agosto de 1955

Carreira
Pastor em diversas comunidades
Southern Baptist Minister
Governador Arkansas 1996 - 2007

Políticas
apoiante guerra iraque e do aumento de tropas
contra casamento entre homosexuais e uniões civis
defensor 2ª emenda
pena de morte
defensor fair tax
criacionista

Mensagem Política
Segurança (Homeland and Foreign)
Santidade da Vida
Educação – avaliação resultados \ Arte e Música obrigatórias
Saúde – contra SNS universal \ reforço prevenção
Valores Americanos

Nélson Faria disse...

Péssima noite esta super terça-feira: até agora, 23 pessoas foram vítimas dos tornados que assolaram os estados Arkansas, Tennessee e Kentucky. (apercebi-me durante a iniciativa mas não tive noção da gravidade)

A dinâmica favorece Obama (dificilmente ganha a Califórnia mas... we can only hope.

Muito equilibrado no que toca a delegados atribuídos (até agora, são 6.49 am).

jfd disse...

09:06 Lisboa
atrasado para a universidade

Primeiro set the scores:

CLINTON: AR, AZ, CA, MA, NY, NJ, OK, TN
OBAMA: AK, AL, CT, CO, DE, GA, ID, IL, KS, MN, MO, ND, UT

HUCKABEE: AL, AR, GA, TN, WV
MCCAIN: AZ, CA, CT, DE, IL, MO, NJ, NY, OK
ROMNEY: CO, MA, MN, MT, ND, UT

http://www.drudgereport.com/

Como sempre jfd com as fontes dos seus dados, e a acertar nas previsões. Que não são minhas, são dos outros. Uns são assim, outros são como são. O algodão não engana!

Segundo:
Huckabee -> mencionei IVA por questões de simplificação.
Aqui está a explicação do que ele quer:
(...)
The FairTax will replace the Internal Revenue Code with a consumption tax, like the taxes on retail sales forty-five states and the District of Columbia have now. All of us will get a monthly rebate that will reimburse us for taxes on purchases up to the poverty line, so that we're not taxed on necessities. That means people below the poverty line won't be taxed at all. We'll be taxed on what we decide to buy, not what we happen to earn. We won't be taxed on what we choose to save or the interest those savings earn. The tax will apply only to new goods, so we can reduce our taxes further by buying a used car or computer.

Our current progressive tax system penalizes us for working harder and becoming more successful. As we climb the ladder, the government lurks on each rung, hungry for a bigger bite out of our earnings. The FairTax is also progressive, but it doesn't punish the American dream of success, or the old-fashioned virtues of hard work and thrift, it rewards and encourages them. The FairTax isn't intended to raise any more or less money for the federal government to spend - it is revenue neutral.
(...)
http://www.mikehuckabee.com/?FuseAction=Issues.View&Issue_id=5

Francisco um dado curioso. Ele era gordo que nem um texugo... Foi-lhe diagnosticada diabetes, perdeu imenso peso. Primeiro candidato a fazer isso.
Outra coisa enquanto nós vemos essas reportagens na CNN Europa os Americanos têm a sua publicidade!
Podes seguir por exemplo a MSNBC que em noites especiais emite na NET.
Ou seguir outros canais por esse mundo fora, para teres outras perspectivas e não pensares como a carneiradada, em www.tvtuga.com, por exemplo.

jfd disse...

Terceiro:
Algumas gordas:

Onward! Where The Race Goes From Here .... Delegate Count Razor Thin ... Obama Wins Most Super Tuesday States, 13-9 ... Clinton Wins Super Tuesday Popular Vote ... Analysis: McCain Nearly Unstoppable ... Hucka-Threat? ... Spin: Clintons Beat The Kennedys...Obama Wins 'Clinton's Back Yard' In Connecticut ... Race, Gender Divide Dem Race ... Watch: Highlights From Super Tuesday Speeches
http://www.huffingtonpost.com/

Quarto:

Democratas? -> Ainda há muito para acontecer. Agora os spin doctors de cada campanha vão inventar até mais não. Ambos vão ser super vencedores....

Republicanos ->McCain está lá! A América conservadora já era?
Já não têm uma palavra a dizer? Os líderes de opinião conservadora estão em chamas. Possessos.
Exemplo http://www.washingtonpost.com/wp-dyn/content/article/2008/02/04/AR2008020402798_pf.html
Vai ser lindo. Mas uma coisa é estranha! McCain ganhou em Estados que não ganhará de certeza em votos eleitorais. O Partido que se ponha a pau!

Aqui fica a análise desprendida e despretensiosa de jfd.
A falar de cor since 1976.
E agora, school here i go!

Nélson Faria disse...

O que se passou ontem de surpreendente:

Huckabee confirmou-se como um fenómeno: mais do que ser útil a McCain como a esponja que seca Romney na ala conservadora, ganha Estados - Alabama, Tennessee ou Georgia (em que passa de 3% para vencedor) demonstram a mais valia de Huckabee.

Obama - apesar da desvantagem nas sondagens, notava-se que havia uma onda, uma dinâmica que lhe era favorável: ganha Colorado, Georgia e Illinois (expectável) e surpreende no Alabama, Connecticut e Missouri.

Hillary ganha a super terça-feira, mas não define nada. O show continua. McCain ganha a super terça-feira, tem 615 delegados para a convenção e Romney apenas 268.

A derrota de Giuliani na Florida leva a que o partido republicano, como é sua tradição, pareça ser o primeiro a arrumar a casa e preparar o apoio a um candidato.

Torço por uma candidatura McCain - Huckabee... tinha piada!

No campo democrata há guerra: Hillary ganha nos delegados (total de 825 contra 732), mas se retirarmos os super-delegados (as inerências que podem mudar de opinião a qualquer altura, temos 632-626, o que mostra o quão renhida está a corrida.

Nélson Faria disse...

ERRO - Huckabee não passa de 3% para vencedor, mas de terceiro para vencedor.

Francisco Castelo Branco disse...

Alguém sabe quem ganhou o MISSOURI?
É que com 83% estava MCCain e Huckabee Finn taco a taco....
Com variações nas posições.......

Francisco Castelo Branco disse...

Nelson, obrigado pelas informações de Huckabee Finn.
Já não vou tentar encontrar um politico com as caracteristicas de Churchill. Já lá muito tempo.....

Acho que agora é altura de "acharmos" em Portugal um Huckabee Finn. Será que haverá algum? Estará escondido? Pronto a aparecer?
Gostei bastante deste politico......

Francisco Castelo Branco disse...

Apesar do meu favorito ser Clinton é dificil transpor as qualidades dela para um homem politico.....

A não ser que apareça outra Maria de Lurdes Pintassilgo hehehe

Nélson Faria disse...

Francisco,

podes sempre verificar os resultados em

http://edition.cnn.com/ELECTION/2008/

O Missouri foi ganho por McCain 33% - 32% e Romney teve 28%. Como é um WTA state (winner takes all) McCain ganhou os 58 delegados do Missouri.

Um Huckabee em Portugal não ia a lado nenhum... pelo menos com aquela agenda política ;)

jfd disse...

Xico andas a trair a Clinton ;)
Conta lá porque curtes do Huck???

jfd disse...

Noticas dizem que a campanha de HRC está a zeros $$$ e que muitas das pessoas estão a trabalhar de graça. Hillary emprestou $5m.
Obama prepara-se para angariar mais $5m em Fevereiro!

http://www.drudgereport.com/

Nélson Faria disse...

Para quem quiser saber mais sobre a saga McCain:

http://www.iht.com/articles/2008/02/06/america/mccain.php?page=2

Coming (big) atractions:

Texas e Ohio a 4 de Março

Pennsylvania a 22 de Abril

Até lá adivinha-se uma luta Estado por Estado no campo democrata nos eventos a realizarem-se em Fevereiro. A começar já este sábado com Louisiana, Washington e Nebraska.

No campo republicano já não se esperam surpresas: McCain a amealhar, com uma ou outra mordidela de Romney ou Huckabee. Qualquer alteração será noticiada por aqui, onde se sabe do que se fala ;)

Nélson Faria disse...

É oficial: Romney abandonou a corrida pela nomeação republicana.

E o que fará agora Huckabee? E quem irá Romney apoiar?

Penso que isto fecha a disputa pela nomeação - fica para McCain - e Romney vai tentar ser o melhor candidato a VP (apesar das palavras amargas que trocaram).

http://www.msnbc.msn.com/id/23050678/

Vai ser giro!

Bruno disse...

E pronto! Este post é mesmo para saber TUDO sobre as Primárias norte-americanas...