domingo, outubro 15, 2006

Um futuro incerto


O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou a resolução 1718 que impõe sanções económicas e comerciais à Coreia do Norte, e ainda um embargo de armas pesadas e de tecnologia militar e nuclear.
É importante que se reflicta sobre esta matéria, uma vez que no futuro este tipo de sanções, acredito, vão ter que ser tomadas mais vezes. A questão neste momento reside em saber se vão ser ou não acatadas as sanções. As Nações Unidas têm esse poder, no panorama actual de tensão internacional? Se não tiver, quem fará cumprir a resolução?

4 comentários:

Anónimo disse...

A hipocrisia (e medo) norte-amerciana fará com que a resolução se cumpra, a bem ou a mal.

esse é o problema actual do concerto das nações: uma ONU fraca onde os EUA dominam...

Big Mamma disse...

tenho medo, confesso, destes tempos, em que nenhuma regra internacional é verdadeiramente respeitada, onde nao ha uma verdadeira segurança.

Veremos onde isto nos leva, mas creio que mais cedo do que esperamos, estaremos todos a correr às armas...

RICARDO PITA disse...

A ONU é uma forma do verbo ser. se as sanções não acatadas tem meios para reagir e as fazer cumprir? não acredito...

Depois como vão reagir os outros Estados ao incumprimento das sanções também é uma incógnita

Marta disse...

Pelo menos o Irão não se intimidou! Será o próximo?