terça-feira, outubro 10, 2006

Bath

Pois é… até parecia mal fazer uma viagem a Inglaterra e não escrever sobre isso não era? OK Então! Não, não fui a Londres - o que é quase imperdoável – mas hei-de ir noutra altura. Desta vez fiquei-me por Bath, uma cidadezinha universitária, cerca de 120 milhas a oeste de Londres.

Bath é uma cidade que nós, portugueses, chamaríamos de simpática. É agradável, bonita, bem arranjada, bem conservada, cheia de vida e vivacidade durante o dia e ainda mais à noite. É um daqueles caso que nos fazem pensar porque raio não temos mais autarcas neste país que pensem um pouco em apostar num projecto para as suas cidades que vise dar aos habitantes uma melhor qualidade de vida.

E se há coisa que podemos perceber em Bath é que não foi à toa que os Romanos gostaram do sítio. A cidade tem todas as condições naturais que foram potenciadas – e isto é o mais fantástico de tudo – pela intervenção humana. Organização, cuidados estéticos, limpeza e, acima de tudo, brio! Vê-se que os seus habitantes têm prazer em andar pelas ruas, parece que os carros quase não deitam fumo (a sério!), parece que a relva é banhada pelo nosso Sol (sim, o de Portugal)…
E andamos nós, por cá, a levar em ombros foragidos (as) à justiça…

8 comentários:

Paulo Colaço disse...

Bruno, sendo Bath uma cidade "cheia de vida e vivacidade durante o dia e ainda mais à noite", podias ter postado uma foto demonstrativa da tal "vivacidade" nocturna...

Não andas a justificar os teus créditos... ihihih

xana disse...

Estes tipos vão viajar e depois vêm fazer inveja aos tristes que aqui andam na sua rotina diária que não tem graça nenhuma...
Maltinha...

Hermione Granger disse...

Realmente... Obrigada Bruno por te lembrares de nós (que cá ficámos com as "Lulas") e que não conhecemos Bath. Por acaso a ideia que me transmitiram de Bath era a de que só havia "parolinhos". Mas, pela tua descrição, parece-se muito com Cambridge e Canterbury, as cidades mais encantadoras que já visitei até hoje. Apesar de ter viajado pouco. De certeza que Bruxelas também é uma cidade "simpática". Todavia, quer seja, quer não, cá estaremos para dizer a toda a gente. Hehehehe

Hermione Granger disse...

Ah! Já me ia esquecendo! Não perdeste muito, em não teres conhecido Londres. Eu tenho para mim, que as capitais do Mundo tendem para se imitar umas às outras. Talvez seja por isso que gosto tanto do Porto, Guimarães, Viana do Castelo, Braga... Pronto, para não serem todas do "Nuorte", também adoro Óbidos, Sintra, Évora, Viseu.
Lisboa, assim como Madrid, ou até mesmo Londres não me cativam, a não ser pelos amigos, que tem cativos.

Bruno disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Bruno disse...

Caro Colaço, o problema é que eu n levei máquina fotográfica porque como diz a Tucha é preciso ter cuidado com o que captamos. E eu lembrei-me que, à noite, costumo ser pouco cuidadoso :D

Bruno disse...

hermione, também por lá há parolos ;) mas por acaso até me parceu que, as pessoas de Bath têm melhor aspecto do que no país em geral. Também porque tem muita malta nova e estrangeira.

Mas especialmente é a própria cidade que é bonita, bem conservada e consistente.

Quanto às cidades que mencionas, folgo em ver tts exemplos portugueses porque eu, quando vou ao estrangeiro, passo a vida a dizer que "isto ou aquilo" me fazem lembrar Portugal. É que nós cá temos muita coisa boa. Infelizmente não conseguimos é potenciá-las...

Margarida B. Lopes disse...

Bath parece ser de facto um maravilhoso sítio para visitarmos. Mas 'nós' cá também temos verdadeiras maravilhas.